Maus exemplos quanto à saúde bucal impactam mais as crianças do que horas de conselhos; a dica é cuidar melhor de si para inspirar as crianças e garantir à toda família um sorriso mais bonito e saudável

A dica é cuidar melhor de si para inspirar as crianças e garantir à toda família um sorriso mais bonito e saudável
Thinkstock
A dica é cuidar melhor de si para inspirar as crianças e garantir à toda família um sorriso mais bonito e saudável

Os filhos, na primeira infância e mesmo na adolescência, se inspiram consciente e inconscientemente nos pais. Os pais são os primeiros heróis, sãos guias para as horas difíceis e os modelos que seguimos. Porém, isso é verdade tanto para os bons quanto para os maus exemplos. Quando o assunto é saúde bucal, a atitude do pai fala mais alto do que horas de recomendações. E como todo pai e toda mãe ama mais que chocolate ver o sorriso lindo dos filhos, fique atento às nossas dicas.

Leia também: Especial da Colgate: saúde bucal na infância

O dentista Fernando Ferraz (CRO-SP: 85843) indicou quais são os principais deslizes cometidos pelos pais que podem vir a ser seguidos pelos filhos, comprometendo a saúde bucal e o sorriso dos seus herdeiros.

Fumar – “Fumar na frente das crianças pode ser extremamente perigoso, além de um mal exemplo. Além das incontáveis doenças que a prática pode provocar, como câncer de boca, de laringe, de faringe, de língua e bochecha, o fumo deixa os dentes amarelados e manchados, além de provocar doenças gengivais”, alerta Fernando.

Comer muitos doces – O açúcar é um dos substratos preferidos das bactérias que geram a doença cárie. Quando não há higiene bucal correta, elas passam horas agindo sobre o esmalte do dente. Diz Fernando: “Caso ela coma doces igual ao pai, certamente terá problemas, Quanto menos açúcar for ingerido, melhor”.

Leia também: 2018 já está aí e quais são as suas resoluções de ano novo?

Colocar muito creme dental na escova – Há quem acredite que quanto mais creme, mais limpos ficarão os dentes – porém, isso não se comprova na realidade. o creme dental deve ser colocado no sentido transversal às cerdas – e nunca as preenchendo completamente. A quantidade deve ser semelhante a um grão de milho”, orienta o dentista. Recomenda-se o uso de creme dental fluoretado para crianças.

Escovação vapt-vupt – A vida agitada e o estresse, muitas vezes, fazem com que as pessoas queiram ‘ganhar tempo’, escovando os dentes com força e rapidez. As crianças ao perceberem que os pais escovam dessa forma, diariamente, acham que esta é a postura correta. Se “pai, mãe e filhos escovarem os dentes juntos, pelo menos à noite, pode ser uma ótima experiência. Assim, as crianças aprendem o certo.”, recomenda Fernando.

Usar fio dental – Pais que usam fio dental são exemplos positivos para as crianças. Se possível, a fita ou o fio dental deve ser usado após as três refeições do dia.  Para Fernando, “não existe uma ‘ordem’, se antes ou após a escovação. Sugiro aos meus pacientes usarem antes, até para não esquecerem. Depois complementam com a escovação e o enxágue”.

Hábitos que vale a pena evitar 

Morder a tampa da caneta porque pode prejudicar a dentição e machucar as gengivas; abrir tampas de garrafa com os dentes porque há o risco até de quebra do dente; roer unhas é um hábito que atrapalha na articulação mandibular, além de transferir as bactérias presentes nas unhas para a boca.

Leia também: Alemães criam chiclete que 'denuncia' bactérias que causam doenças bucais

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.