Higiene Oral Básica
enhanced by Google
 

Extração dentária e alvéolo seco

Dentes do siso abaixo da linha da gengiva podem causar dor e inchaço

Colgate

Os dentes mais frequentemente extraídos são os terceiros molares, também chamados dentes do siso. Algumas pessoas têm, na boca, espaço suficiente para acomodar os dentes do siso enquanto outras sofrem devido à falta de espaço. Os dentes do siso permanecem sob a gengiva ou erupcionam fora de alinhamento com o resto dos dentes. Dentes do siso abaixo da linha da gengiva pode causar dor, inchaço e até empurrar outros dentes.

Quando um dente do siso ou qualquer outro dente é extraído, podem ocorrer complicações pós-cirúrgicas, entre as quais: infecção, amortecimento do lábio inferior ou da língua devido a dano no nervo, rigidez mandibular e alvéolos secos. Após a extração, forma-se um coágulo na cavidade do osso antes ocupado pelo dente (alvéolo) que recobre a área até sua cicatrização. O alvéolo seco ocorre quando o coágulo sanguíneo se desfaz ou se desloca e os ossos e nervos ficam expostos.

Os primeiros cinco dias, ou mais, após a extração são muito importantes. É nesse período que a incidência da alveolite é mais elevada. Normalmente, o alvéolo seco é muito doloroso. Se você acha que está sofrendo desse problema, entre em contato com seu dentista imediatamente para agendar uma consulta.

O dentista vai lavar o alvéolo vazio, remover detritos e aplicar curativos para proteger a área e diminuir a dor ou desconforto. Ele pode também receitar um antibiótico, para evitar a infecção do alvéolo, e até mesmo um analgésico para evitar que você sinta a dor.

Além disso, o dentista pode lhe dar alguns conselhos sobre o que comer ou beber e como irrigar a área do alvéolo. O repouso é importante durante os 7 a 10 dias para agilizar a cicatrização. Seu dentista deve marcar outra consulta para monitorar a cicatrização e ver como você está sentindo.

Leia tudo sobre: dente do sisoalveolo seco

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG